Diferenças na relação

Boa noite, você precisa procurar um ginecologista pois sentir dores é um indício que algo pode não estar bem, quanto a lubrificação existe a necessidade de saber se tem algo impedindo que você não fique lubrificada ou até mesmo esteja estressada achando que poderá ter dor enfim apenas em uma consulta para descartar qualquer problema poderá ser tirada suas duvidas e caso seja necessário e confirmando que está sadia poderá sim procurar tratamentos como a acupuntura mas primeiro descartar problemas patológicos, boa sorte.

Imagem de perfil do profissional.
Geime Rozanski
Respondeu há 2 anos:
Sexualidade madura
Sexualidade madura

A sexualidade humana é um misto de prazer, alegria. satisfação, energização e sentimento de realização. Isto, porém quando o sexo é feito com corpo e alma, com envolvimento, com carinho, com meiguice, com delicadeza, em harmonia com corpo e alma, com segurança e paz. Antes do ato em si, o sexo é erotização, abraços, beijos, acompanhado com música suave. A ênfase é a busca de satisfação e não a introdução do pênis. Você precisa ser acariciada, massageada com amor e carinho pelo parceiro(a). Assim , poderá ter múltiplos orgasmos, mesmo sem penetração.

Imagem de perfil do profissional.
Marlene Monteiro de Oliveira
Respondeu há 2 anos:
Reprogramação mental da dor

É muito comum tanto nos homens quanto nas mulheres ter sofrimento no ato sexual ao contrário do que poderia esperar, o prazer. Se tivemos uma iniciação sexual transtornada no passado é natural que a referência da nossa mente é repetir esse desprazer e intensificar a dor como mecanismo de proteção para evitar o ato sexual, evitar o sofrimento. Agora, quando a referência anterior no cérebro ficou registrado como prazer, acorre naturalmente a lubrificação e não a dor. Dica: rever mentalmente todas as referências do ato sexual de dor na mente produzindo um filme e rebobinar de traz para frente esse filme e finalmente lacrar o mesmo objetivo. Apagar da mente e do corpo as referências sequenciais de sofrimento para uma nova possibilidade de experiências futuras prazerosas e não a dor.

Imagem de perfil do profissional.
Dr. José Marcos
Respondeu há 2 anos:
Dor na relação sexual

Vamos lá. O seu caso certamente é ginecológico. A lubrificação vaginal ocorre com o mesmo mecanismo que faz enrijecer o pênis, ou seja, bastante sangue dentro do pênis. Bastante sangue envolvendo a vagina. Esse jorro de sangue ocorre somente com o que chamamos de tesão, excitação sexual. É a natureza que prepara a vagina para receber o órgão masculino com prazer e sem machucá-la. Estou falando de lubrificação. Agora, falando da dor. A dor à penetração tem, além da falta de lubrificação, diversos fatores tais como congestão pélvica, varizes pélvicas, processos infecciosos ou inflamatórios da pélvis, endometriose. Portanto quem vai lhe resolver em definitivo o seu caso é o seu ginecologista, através de uma consulta.

+1 profissionais a favor Primeiro a responder

Imagem de perfil do profissional.
Priscila Marques
Respondeu há 2 anos:
Estresse
Estresse

Olá! Talvez alguma coisa está lhe deixando mais estressada e/ou preocupada e por isso não está tendo lubrificação, não está relaxada na hora da relação sexual e isso causa dor. Pode ser também outro motivo de cunho físico, por isso seria bom procurar um (a) ginecologista que irá examinar e lhe dar um parecer especifico, se por ventura não for físico poderá procurar um psicólogo (a). Abraço!

Primeiro a responder